Uma canção para o bebé antes de nascer: emocionalidade oral & musicalidade comunicativa = Song for Baby Before Birth: Oral Emotionality and Communicative Musicality

Eduarda Carvalho

Resumo


A teoria da intersubjetividade inata e a teoria da musicalidade comunicativa sublinham a predisposição inata do recém-nascido para captar o comportamento do outro e envolver-se em trocas contingentes e de sintonia afetiva. No entanto, poucas práticas de intervenção no período pré e perinatal são implementadas para incentivar a musicalidade comunicativa entre as mães e os bebés após o nascimento. Na prática da musicoterapia pré-natal a criação das canções para o bebé antes de nascer ocupa um papel crucial na promoção dos primeiros vínculos com o bebé ainda antes de nascer. Grupo de musicoterapia pré-natal tendo como foco a improvisação vocal e o movimento expressivo culminando na criação de uma canção para o bebé antes de nascer; excertos de observação em vídeo serão visualizados ilustrando o processo criativo dessas canções bem como a observação das interações vocais entre as mães e os bebés no final da gravide numa ecografia 4D, e 3 meses após o parto. A presença de episódios de musicalidade comunicativa entre a mãe e o bebé são observados. Este estudo ressalta o acesso à intersubjetividade primária mediante uma sequência de diferentes modalidades de interação vocal, incluindo a exposição da canção do bebé.


The theory of innate intersubjectivity and the theory of communicative musicality underline the newborn's innate predisposition to capture the behavior of the other and to engage in contingent exchanges and affective attunement. However, few intervention practices in the pre and perinatal period are implemented to encourage communicative musicality between mothers and babies after birth. In prenatal music therapy the creation of songs for the baby before birth plays a crucial role in promoting the first bonds with the baby even before being born. METHOD: prenatal music therapy group focusing on vocal improvisation and expressive movement culminating in the creation of a song for the baby before birth; video observation excerpts will be displayed illustrating the creative process of these songs as well as the observation of vocal interactions between mothers and babies at the end of the pregnancy in a 4D ultrasound and 3 months after delivery. RESULTS: The presence of episodes of communicative musicality between the mother and the baby are observed. CONCLUSION: This study highlights access to primary intersubjectivity through a sequence of different modalities of vocal interaction, including the exposure of the baby's song.


Palavras-chave / Keywords:

Emoção, Gravidez, Interação precoce, Musicoterapia, Musicalidade comunicativa, Intersubjetividade primária.

Emotion, Pregnancy, Early interaction, Music therapy, Communicative musicality, Primary intersubjectivity.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Fundação Minerva - Cultura - Ensino e Investigação Científica / Universidades Lusíada, 2004-2019
Serviços de Informação, Documentação e Internet
Rua da Junqueira, 188-198 | 1349-001 Lisboa | Tel. +351 213 611 561 | Fax +351 213 638 307 | E-mail: mediateca@lis.ulusiada.pt